Como eu sei que Deus existe?

Passei por longos dias debatendo com um ateu que infelizmente não me aceitou como amigo por questões pessoais; já que ele sempre interpretava que o fato de pregar o Evangelho para ele era uma tentativa forçada de induzi-lo ao cristianismo e a fé em Deus e não era bem isso. Mas nesses dias de contato com ele pude aprender um pouco mais sobre as razões do porque que muitas pessoas não crêem em Deus e também fortaleci ainda mais a minha fé em Deus e meu amor por Ele.

Ainda assim as pessoas prevalecem em perguntar para os que assim crêem o porque elas crêem e pedem provas da existência de Deus como se isso os convencesse de crer em Deus; mas mesmo que o próprio Deus aparecesse para eles, muitos deles não se subjugariam à sua vontade para adorá-lo e servi-lo; mas isso não é o foco desse artigo de reflexão.

Mulher orando a Deus
Geralmente Deus se manifesta quando estamos sofrendo e clamamos por Ele ainda sem muita fé e esperança. Imagem: Família Resgate


Eu quero apenas deixar aqui as razões do porque eu passei a crer em Deus e porque creio nele ainda e insisto em anunciar sua vontade desde então.

Meu primeiro contato com Deus

Todo aquele que hoje é cristão genuíno teve um encontro marcante e geralmente sobrenatural com Deus. Isso sempre aconteceu antigamente, no Antigo Testamento, no Novo Testamento e ainda acontece em nossos dias e comigo não foi diferente.

Se você entrevistasse pelo menos 100 cristãos ficaria abismado com as experiências que ouviria de cada um deles sempre envolvendo o sobrenatural e vou contar brevemente a minha; mas estarei contando mais detalhadamente minha conversão em outra ocasião.

Meu primeiro contato com Deus aconteceu quando ainda nem religioso era. Minha família era de procedência católica, mas não eram frequentes como alguns eram. O primeiro a ter um contato com Deus em casa foi meu irmão mais velho que também sofreu uma experiência incrível de um dia para o outro numa transformação sobrenatural!

Desde então meu irmão pregava para mim e meu irmão mais novo (que já faleceu). Ouvíamos, mas éramos adolescentes e tínhamos muito que curtir e se divertir. Mas um dia eu ainda indecisamente aceitei Jesus em um culto na rua e passei a ir com meu irmão para a igreja, mas a forma como ele queria que eu fosse cristão me fez ver aquela vida como uma vida deprimida em que se não podia fazer nada; brincar de bola com os amigos, desenhar anjos ou outras coisas mais. Sendo adolescente me enfadei e já ia na marra na igreja...





Consegui tirar meu irmão da minha cola e caí na farra que o mundo oferece. Fiquei por aproximadamente 10 anos desfrutando do pecado, dos prazeres da vida e se denegrindo e carregando minha alma de tristezas. Foi então que vez por outra as coisas que lia com muito sacrifício sobre a Bíblia pareciam impactar meu coração como que me julgando e apontando minha vida de erros.

Eu resistia aos convites e relutava em ir para os pés de Cristo, mas um dia Deus me visitou a noite e por três noites seguida me fez sonhar com sonhos relacionados ao arrebatamento da igreja e ao fim do mundo caótico. Fiquei muito assustado e comecei a pensar em muitas coisas... Começaram então acontecer fatos estranhos semelhantes a coincidências aos montes e percebi que realmente aquilo não era rotineiro e nem normal de se acontecer como provas respondidas, livramentos de situações complicadas ouvindo uma voz que me guiava, as sensações despertadas no coração ao ouvir letras de hinos e a forte sensação de estar sendo vigiado.

Quando estava na igreja eu ainda senti meu coração ferver, um calor em meu corpo e sem contar o momento em que o pregador pregou a Palavra e tudo que dizia era realmente verdadeiro e tinha íntima relação com o que só eu pensava no meu coração e ninguém mais sabia; eu chorei incontrolavelmente quando percebi que realmente Deus estava em todas essas situações! Aceitei a Cristo e ainda nesse ato eu senti um enorme peso de angústia sair da minha vida e uma alegria que nunca havia sentido passou a estar no meu coração desde aquele dia.

Deus em minha vida hoje


Você pode ser feliz entre muitos
Deus não nos ilude com uma vida 100% feliz; mas nos faz vencedores nas tribulações em sua paz! Imagem: Ethoz Group


Desde então o que mais aconteceram foram experiências sobrenaturais que mudaram completamente minha vida a começar pelo entendido que pude ler ao ler a Bíblia; e antes nada entendia quando lia seus textos. Era como se estivesse vetado para mim aquele conhecimento espiritual das Escrituras.

Quantas orações não fiz só eu e Deus e não vi a resposta de muitas delas acontecerem? O que dizer das profecias proferidas por homens e mulheres comuns na igreja que diziam respeito da igreja e até da minha vida particularmente e aconteceram de fato como predito? Quantas curas não recebi pela fé em Jesus Cristo? Mesmo os mais mínimos detalhes referentes aos cristãos citados por Cristo nas Escrituras se cumprem diariamente na vida da igreja de forma geral e específica.

Se posso provar Deus além de sentimentos, sensações e tudo que citei até agora? Com certeza, mas vamos fazer isso em outros artigos. Por isso não deixe de acompanhar as atualizações desse blog que promete muita coisa reveladora para suas perguntas. Deixo um texto base para sua meditação:

"Antes Deus fala uma e duas vezes; porém ninguém atenta para isso. Em sonho ou em visão noturna, quando cai sono profundo sobre os homens, e adormecem na cama. Então o revela ao ouvido dos homens, e lhes sela a sua instrução, para apartar o homem daquilo que faz, e esconder do homem a soberba." Jó 33:14-17

Comentários