Caso do pastor Álvaro Gámez que praticava sexo com irmãs da igreja

O título parece bem pesado e realmente é, mas aqui no Verdade Urgente trataremos dos mais variados assuntos envolvendo mesmo os cristãos.

Estava vendo alguns vídeos no YouTube sobre Marketing Multinível quando me deparei com um vídeo onde o título trazia a notícia de um pastor (Álvaro Gámez) que fazia sexo com as mulheres no decorrer do culto em uma secretaria da igreja Salem na Colômbia.

Quando assisti ao vídeo que foi editado, não acreditei muito no momento, pois é do feitio comum de muitos críticos fazer fotomontagem e divulgar que qualquer sujeito com gravata e paletó fazendo essas coisas é um pastor.

Mas depois investiguei mais afinco sobre o caso e realmente descobri que o camarada realmente era um suposto pastor que já andava fugindo da lei e havia passado por várias igrejas e fazia essas barbaridades mesmo dentro do culto com irmãs e até jovens, incluindo 4 menores de 18 anos.

Álvaro Gámez sendo preso
O caso do pastor Álvaro Gámez serve de alerta para todos nós que estamos sujeitos a errar. Devemos vigiar! Imagem: Wikimedia Commons


Isso com certeza é um prato cheio para nossos amigos críticos que logo trataram de fazer uma grande festa com diversos vídeos publicados em vários canais do YouTube e até mesmo um ramo doentio de cristianismo (Verdade Oculta), monta no caso como a bruxa monta na vassoura (se é que elas voam mesmo...).

Resolvemos tratar desse assunto aqui no Verdade Urgente e sanar de vez que isso é realmente verdade e que se constitui um grande escândalo para o cristianismo.

Entenda mais sobre o caso

O pastor estava a oito meses na Colômbia pastoreando sobre uma igreja chamada Salem que é a segunda maior igreja da Colômbia, e durante o tempo que passou lá, andou fazendo sacanagem com irmãs da igreja e jovens ocultamente.

Alguém não estava gostando muito da ideia e resolveu colocar uma câmera oculta no local onde ele sempre fazia suas orgias e foi flagrado com duas jovens fazendo sexo no decorrer de um culto na igreja.

O mesmo já havia sido acusado antes, mas como não haviam provas, não tinha sido preso. Depois desse vídeo ele foi preso pela polícia e extraditado para o seu país para cumprir prisão por lá. Encontrei essas informações em um canal de notícias colombiano que mostra inclusive o sujeito sendo preso.



Confira alguns vídeos dessa crua e nua realidade que nos causa espanto e indignação. O vídeos estão em língua colombiana:



Qual a lição para nós cristãos?

Esse fato é um alerta para que vigiemos e oremos sempre como recomendou nosso Mestre. Pois eu bem sei que esse camarada só tinha título de pastor e na prática não tinha nem ao menos comunhão real com Cristo, pois era apenas um mercenário explorador das ovelhas.

Não é conveniente querer tapar o sol com a peneira porque somos cristãos e isso de certa forma parece nos ferir e entristecer; mas devemos tomar por exemplo de que devemos nos cuidar ainda mais e crer mais na Palavra que já nos alerta que tais coisas aconteceriam.

"Ai do mundo, por causa dos escândalos; porque é mister que venham escândalos, mas ai daquele homem por quem o escândalo vem!" Mateus 18:7

Essas situações devem acontecer para que se revele quem é quem no meio do povo de Deus. Se não fosse isso não seria possível distinguir os bons e os maus. Mas generalizar como fez um sacana do Verdade Oculta é baixo e tolo, acusando todos os pastores e igrejas.

Mas independente de qualquer comentário exagerado ou não, devemos atentar para essas coisas e meditar no que nos diz a Palavra de Deus.

"Estes são manchas em vossas festas de amor, banqueteando-se convosco, e apascentando-se a si mesmos sem temor; são nuvens sem água, levadas pelos ventos de uma para outra parte; são como árvores murchas, infrutíferas, duas vezes mortas, desarraigadas;"
Judas 1:12

Como eu costumo dizer, esse sujeito Álvaro Gámez se algum dia foi pastor de verdade, deixou seu foco há muito tempo e agora não passava de um abusador se dizendo pastor; porque pastores leiais ao Sumo-Pastor também aprendem a dar a sua pelas ovelhas e não apenas devorá-las.

Minha opinião sobre o assunto é que fez bem quem aprontou essa emboscada para esse safado e o denunciou! Ele já deveria ser preso antes por seus atos criminosos! Não interessa que traga sobre si a alcunha de pastor; para mim ele se tornou foi um estuprador que age de má fé contras as pessoas.

Você é pastor? Lamente por esse caso, ore e vigie sempre, cumprindo o honroso ministério que Deus confiou em sua mãos.

Comentários