Terra Plana - Gênesis 1.1 - Criação Finita de Deus

Conversando com um amigo cristão globalista, ele me recomendou cegamente que não envolvesse as Escrituras neste assunto de Terra Plana e que poderia passar vergonha tentando provar essa "teoria" usando textos bíblicos. Em conversa com um pastor; ele lançou o assunto no descrédito como "vãs contendas" e alegou que falar sobre Terra Plana não salva ninguém e tudo mais. Enfim; tenho publicado neste blog, artigos e mais artigos científicos para os céticos e cristãos apegados a pseudo-ciência do globo. Agora, contrariando os conselhos do meu amigo; resolvi encontrar a revelação acerca deste assunto dentro da Bíblia e mostrar que este assunto também é teológico. A pergunta que fica no ar é: "Vou encontrar versículos que corroborem a Terra Plana?". É o que vamos descobrir daqui para frente... Sim, eu sei, futucarei um vespeiro de teólogos globalistas contra mim e talvez até dentro do meu próprio ministério; mas acredite; eu tenho compromisso com a verdade de Deus; seja ela qual for...

Segundo a NASA é assim que vagamos pelo espaço infinito
Mais uma das brilhantes ilustrações da NASA que nos teoriza como rodopiamos numa via láctea em um universo sem fim! 
Imagem: Mega Curioso

Dada essa introdução concernente a minha posição e disposição em provar, segundo a verdade que Deus criou a Terra Plana e não esférica; vamos mostrar nas Escrituras que o que vemos também tem fundamento teológico; afinal, Deus criou tudo em harmonia para que Sua grandeza fosse revelada à humanidade. Logo, a verdadeira ciência unida à revelação da Palavra completa o conhecimento que precisamos alcançar acerca do Criador e de tudo que nos deixou nas coisas criadas. A ciência nunca se opôs as Escrituras e nem o contrário! E qualquer conhecimento oposto às Escrituras é suspeito e falso! Como eu amo tirar tudo a limpo sempre que na medida do possível; vamos fazer uma varredura nas Escrituras de Gênesis ao Apocalipse procurando por textos que nos revelem se realmente vivemos numa Terra Plana ou numa Terra esférica. Será uma longa jornada; então recomendo que tenha paciência. Usarei uma das versões mais respeitadas e fiéis aos originais; a João Ferreira de Almeida Revisada e Corrigida Fiel.

Terra e Céu: Criação Finita de Deus

Vamos iniciar nossa busca focando no primeiro versículo bíblico de Gn 1. Vamos ver o que encontramos de interessante nesse texto:
No princípio criou Deus o céu e a terra. Gênesis 1:1
Aparentemente não vemos nada de interessante neste texto; mas ele já começa deixando bem claro que tudo o que conhecemos foi Deus quem criou. Há um conceito falso e exagerado propagado pela pseudo-ciência que tenta colocar em nossas mentes que somos seres perdidos em um lugar que vaga por um universo infinito que por sua vez possui, sabe-se lá quantos planetas por aí, que podem abrigar vida alienígena e que não somos, portanto; únicos na criação. Logo, todo aquele glamour de sermos seres especiais criados por Deus e colocados em um lugar específico para vivermos para sua glória, é destruído pela cosmovisão ateísta da existência. Mas não é bem assim que ensinam as Escrituras. Munido do Dicionário Vine, que traz o sentido exegético de muitas palavras nas Escrituras; descobri algo interessante...

Conceito hebraico da criação finita de Deus
Os hebreus, que é o povo de Deus não acreditavam em um universo infinito como prega a NASA, mas se baseavam nas Escrituras.

A palavra "terra" usada neste texto é 'erets (אֶרֶץ ) e pode significar também: "país". A palavra hebraica 'erets também aparece muitas vezes na expressão "o céu e terra" ou "a terra e o céu". Em outras palavras, as Escrituras ensinam que nossa terra é parte de uma estrutura cosmológica universal que chamamos de universo. Não sendo o resultado de acidente ou forças inatas, o insondável alcance do espaço e seus incontáveis componentes devem sua origem ao Senhor "que fez o céu e a terra".
O meu socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra. Salmos 121:2 
O nosso socorro está no nome do Senhor, que fez o céu e a terra. Salmos 124:8 
O Senhor que fez o céu e a terra te abençoe desde Sião. Salmos 134:3
Extraí essas informações do Dicionário Vine com uma pequena correção que vem da pseudo-ciência e contradiz a própria Escritura. Segundo o sentido do termo hebraico e os textos apresentados; as expressões "o céu e terra" ou "a terra e o céu" são usados em conjunto para se referir a toda criação referente a nós. Isso destrói a ideia de um universo infinito e sem limites como tenta nos mostrar a NASA. Segundo as Escrituras, nosso universo tem sim um limite onde Deus colocou os corpos celestes e vamos analisar esses textos minuciosamente. Sendo assim, "a terra e o céu" ou "o céu e a terra" formam um claro conjunto, representando a criação de Deus onde moramos e vivemos. E foi o nosso Deus Criador quem fez todas essas admiráveis maravilhas para nós e nos colocou aqui para contemplar o seu eterno poder. Mas a pseudo-ciência quer que acredite no que já expus linhas acima.

 Lembrando que mesmo que as Escrituras não contenha o termo "Terra Plana", podemos por inferência e cruzamento de informações internas e externas, estudar, analisar e perceber que o conceito da Terra Plana é o que melhor se encaixa na interpretação das Escrituras. Começando até mesmo por este artigo onde na Terra Plana; vivemos sob o firmamento (ou domo) e dentro dele; nas alturas imensuráveis e inalcançáveis pelo homem está o universo que conhecemos: sol, lua, "planetas" e estrelas. Tudo isso, conforme a exegese bíblica tem um real sentido e forma justamente um conjunto! Vamos parar por aqui e deixar que os teólogos globalistas tentem refutar este artigo ou comentarem que é heresia e não condiz com a verdade. Os comentários estão liberados e o convite para que você, amante da verdade compartilhe adiante este artigo para que mais pessoas conheçam nosso mundo como ele realmente é; criado por Deus para nós.




Comentários