Terra Plana - Gravidade NÃO Existe! Nunca Existiu! Nem Existirá!

Uma das melhores e mais mal inventadas desculpas para uma Terra bola maluca, girando pelo espaço em velocidades cada vez mais intensas possuindo em si mesma segundo estimativas, cerca de 1.260.000.000.000.000.000.000 de litros de água e tantas outras coisas que não saem voando pelo espaço infinito das mentes globalistas é a tal gravidade. Uma lei sem fundamentos sólidos onde tudo se explica! Ela seria como uma deusa no heliocentrismo que "criou" os planetas deles; os mantém em seus lugares e rotas no cosmos deles. Também explica como tudo que citei permanece "grudado" ao solo na bola giratória. Na conversa fiada isso funciona muito bem ou para alienados ainda uns "experimentos" fora da realidade científica; mas na prática e experimentalmente para valer, não funciona... Não cola... Não vem com essa que não vai me convencer. O que mais os espertinhos globalistas usam é este argumento e já teve um que foi tão alienado que quando agachei na frente dele ele disse que foi efeito da gravidade! Meu Deus! Pensei que fosse um impulso do meu ser que decifrado no meu cérebro transmitiu o sinal via sinapses relâmpago que geraram a ordem de agachar em movimento... Antes de continuar recomendo algumas leituras sobre gravidade:
Macieira de Isaac Newton
O senso comum já condena a suposta gravidade desde a maçã "atraída" na mente de Newton. Imagem: Wikimedia Commons


Gravidade NÃO Existe! 

Se você encher um balão com hélio, uma substância mais leve que o nitrogênio, oxigênio e outros elementos que compõem o ar ao redor dele, o balão subirá imediatamente. Se você encher um balão com hidrogênio, uma substância ainda mais leve que hélio, o balão subirá ainda mais rapidamente. Se você soprar uma semente de dente-de-leão da sua mão, uma substância pouco mais pesada que o ar, ela flutuará lentamente para longe mas eventualmente cairá no chão. E se você soltar das suas mãos uma bigorna, algo muito mais pesado do que o ar, ela cairá rápida e diretamente no chão. Ora, isso não tem absolutamente nada a ver com “gravidade”. O fato de que coisas leves se elevam e coisas pesadas caem é simplesmente uma propriedade natural de peso e densidade. Isso é bem diferente de “gravidade”. Gravidade é uma força de atração hipotética possuída por grandes massas, e da qual Isaac Newton precisou para ajudar a explicar a teoria heliocêntrica do universo. 

“A maioria das pessoas na Inglaterra leu ou ouviu que a teoria gravitacional de Sir Isaac Newton foi originada ao ele ver uma maçã caindo na terra, de uma árvore em seu quintal. Pessoas dotadas de um senso comum ordinário diriam que a maçã caiu na terra porque, carga por carga, ela era mais pesada que o ar circundante; mas se, ao invés da maçã, uma leve pluma houvesse se soltado da árvore, uma brisa provavelmente teria feito a pluma flutuar para longe, e a pluma não alcançaria a terra até o ar circundante ficar tão quieto que, em virtude de sua própria densidade, a pluma caísse no chão”. – Lady Blount, “Clarion’s Science Versus God’s Truth”

Wilbur Voliva, um terraplanista famoso no início do século XX, deu palestras por toda a América contra a astronomia newtoniana. Ele começava andando pelo palco com um livro, um balão, uma pena e um tijolo, e perguntava à audiência: “Como é que uma lei gravitacional pode levantar um balão de festa e não pode levantar um tijolo? Jogo para cima este livro. Por que ele não continua subindo? Este livro subiu até onde a força por trás dele o impeliu e ele caiu porque era mais pesado que o ar e essa é a única razão. Corto a cordinha de um balão de festa. Ele sobe, chega a uma certa altura e então começa a estagnar. Pego este tijolo e uma pena. Assopro a pena. Lá vai ela. Finalmente, ela começa a estagnar e vem abaixo. Este tijolo sobe até onde a força o impele e então cai porque é mais pesado que o ar. Isso é tudo”.




“Qualquer objeto que é mais pesado que o ar e que está sem suporte tem uma tendência natural a cair por seu próprio peso. A famosa maçã de Newton em Woolsthorpe, ou qualquer outra maçã quando madura, perde a força de seu talo e, sendo mais pesada que o ar, cai por necessidade no chão, totalmente independente de qualquer atração da Terra. Pois, se tal atração existisse, por que a Terra não atrai a fumaça se elevando, cujo peso não chega perto do da maçã? A resposta é simples – porque a fumaça é mais leve que o ar e, portanto, não cai, mas ascende. Gravitação é somente um subterfúgio empregado por Newton em sua tentativa de provar que a Terra revolve ao redor do Sol, e quanto mais rápido for relegada à tumba de todos os Capuletos, melhor será para todas as classes da sociedade”. – David Wardlaw Scott, “Terra Firma” 

“A ‘lei da gravitação’ é referida pelos defensores do sistema newtoniano de astronomia como sendo a maior descoberta da ciência, e a fundação de toda a astronomia moderna. Se, portanto, for possível demonstrar que gravitação é uma pura presunção, e só uma imaginação da mente, que ela não tem existência fora dos cérebros de seus divulgadores e defensores, a totalidade da hipótese dessa assim chamada ‘ciência’ moderna desaba ao chão, tão achatada quanto a superfície do oceano, e essa ‘mais exata de todas as ciências’, essa maravilhosa ‘façanha do intelecto’, torna-se de repente a mais ridícula das superstições e o mais gigantesco dos embustes aos quais a ignorância e a credulidade jamais poderiam ser expostas”. – Thomas Winship, “Zetetic Cosmogeny”

A teoria da relatividade de Einstein e todo o modelo heliocêntrico do universo se articulam sobre a “lei gravitacional” de Newton. Heliocentristas afirmam que o Sol é o objeto mais maciço dos céus, mais maciço até que a Terra, e, portanto, a Terra e outros planetas são “por lei” apanhados pela “gravidade” do Sol e forçados a orbitar círculos/elipses ao redor dele. Eles afirmam que a gravidade também permite de algum modo que pessoas, prédios, oceanos e toda a natureza existam na parte inferior de sua “Terra-bola” sem que caiam.





Considerações e Conclusão

"Mano... Você tem demência?!" Qualquer cidadão comum deveria saber que uma maçã madura, simplesmente cai porque esta madura e seu talo perdeu seu vigor e sendo ela mais pesada que o ar, caiu naturalmente como Deus ordenou que assim fosse! Eu confesso que quando me deparei com o despertamento da Terra Plana para a ciência original e pensei no caso da maçã eu me senti um verdadeiro retardado manipulado até ali! Criaram um super força capaz de segurar todo o volume absurdo de água numa bola girando em mais de 1.660 km/h com todas as demais coisas e ao mesmo tempo, tão fraca que mal consegue segurar uma pluma solta voando ao vento? Que porcaria de força imaginária é essa? Mas infelizmente me enganou e ainda lesa muitas pessoas pelo mundo atual. Se você depois deste artigo ainda acreditar em gravidade e que vive "grudado" em uma bola por conta disso, você é um lesado! 

Desculpe pela força do termo, mas infelizmente ainda encontro pessoas que por mais que se explique a naturalidade das coisas para elas; mais elas se fecham para a realidade em seu mundinho redondo giratório e agem como completos idiotas irracionais sem nem considerar os fatos realmente científicos que expomos! Já me deparei realmente com pessoas que se achando tão inteligentes menosprezaram os fatos gritantes expostos aqui e seguiram em suas certezas infundadas simplesmente pelo orgulho e só para manter o status! Outros vendo-se acuados e sem respostas para dar mediante as perguntas mais óbvias eles se isolam como "sábios acadêmicos" e tentam manter seus diplomas e currículos longe do vencimento pelo conhecimento da Terra Plana! Seria correto essa postura? Negar a realidade para abraçar uma fantasia e delírio só para se manter falsamente no status de sábio? Você é um fiasco! Mico completo! Tolo insensato! Conhecimento de nada! 

Realmente ainda acredita em gravidade depois de tantos argumentos sérios, sadios, naturais e destruidores? Deixe seu comentário; compartilhe com os lesados teimosos que endeusam a gravidade e os desperte. Assine as atualizações e fique por dentro de mais conteúdo como este. 

Fontes:


Comentários