Terra Plana - NASA em: "O retorno dos que não foram"

Bem assim... Os americanos foram ou não foram na Lua? Eles apregoam que sim; mas o que ainda tem de gente duvidando desde 1972 não há contas exatas! E porque será que as pessoas ainda carregam consigo dúvidas? Antes eu não sabia, mas sempre que olhava para a Lua; mesmo doutrinado eu no meu íntimo pensava: "Será que foram lá mesmo?". Qualquer mente que pensa um pouco a mais notará quão complexo esse feito seria hoje; agora imagina nas condições até 1972? Já comentei que se o homem tivesse ido mesmo a Lua já naquelas décadas, com certeza a essa altura do campeonato estaríamos indo e voltando na Lua o tempo todo! Nem que as viagens fossem custosas, ao menos alguns poderosos iriam e registrariam por conta a viagem maravilhosa ao nosso "satélite natural"; mas pelo contrário eles nunca mais voltaram e ainda deram um jeito de dar um sumiço nas supostas provas falsificadas como os vídeos que se perderam em regravações. E muitos ainda perguntam: "Porque eles não voltaram mais lá?". Bem parece que a liberação eles já tem de Donald Trump e é sobre isso que quero comentar neste artigo. Mas recomendo que leia alguns artigos sobre a Lua antes:

Donald Trump libera NASA para "retornar" a Lua
Donald Trump estaria participando também desse esquema de mentiras ou apenas testando a NASA? Imagem: Veja


Trump pede à Nasa que envie novamente astronautas americanos à Lua


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assina nesta segunda-feira (11/12/17) uma diretriz que ordena à Nasa, a agência espacial americana, a iniciar um programa para enviar "novamente astronautas americanos à Lua e, eventualmente, a Marte", informou a Casa Branca. A informação é da EFE. A última vez em que os EUA enviaram uma missão tripulada para fora da órbita terrestre foi em 1972, no programa Apolo 17, na qual dois de seus astronautas, Eugene Cernan e Harrison Schmitt, fizeram três caminhadas sobre a superfície lunar.

Gidley ressaltou que a nova diretriz de Trump "modificará a política de voos espaciais tripulados do país para ajudar os EUA a se transformarem na principal força na indústria espacial, a obterem novos conhecimentos do espaço e a desenvolverem uma tecnologia incrível". Em outubro, o vice-presidente americano Mike Pence comentou sobre o interesse de Washington de "enviar astronautas americanos à Lua, não apenas para deixar para trás pegadas e bandeiras, mas para construir as bases necessárias para enviar americanos a Marte e além". Pence preside o Conselho Nacional Espacial, um órgão do Escritório Executivo do presidente Trump, desenvolvido para potencializar as ambições espaciais americanas. A lei que repassa 19,5 bilhões de dólares (60 bilhões de reais) à Nasa, reforçando o plano da agência espacial americana de enviar seres humanos para Marte até 2030.

Trump disse estar “encantado” em sancionar a lei em cerimônia no Salão Oval da Casa Branca, onde estava acompanhado dos congressistas que elaboraram o projeto, do vice-presidente do país, Mike Pence, e das autoridades da Nasa. “Há seis décadas, o trabalho da Nasa inspirou milhões e milhões de americanos a imaginar mundos distantes e um futuro melhor aqui na Terra”, disse Trump. “Essa lei reafirma nosso compromisso nacional com a missão central da Nasa: exploração do espaço e ciência e tecnologia espaciais.” O presidente também citou a importância da transição das atividades de exploração espacial para o setor privado. Em 2011, a Nasa encerrou os voos de suas naves espaciais e, desde então, depende da Rússia para levar astronautas à Estação Espacial Internacional (ISS). “Empresas do setor comercial e do privado vão usar essas facilidades [da Nasa], e eu espero que eles nos paguem muito dinheiro, porque eles vão fazer grandes progressos”, disse o presidente americano.





Considerações e Conclusões

Agora sobram apenas muitas perguntas no ar... Donald Trump sabe e participará de todo esse enredo mentiroso lucrativo? Ou apenas está sendo enganado também e a NASA nadará no dinheiro público mais uma vez e tramará o "retorno dos que não foram" com muito mais glamour que antes em seus estúdios? Resta agora esperar para ver o que acontecerá, porque tenho comigo com todas as provas que eles nunca pisaram na Lua por suas limitação que deixaram vazar até mesmo em seus documentários e vídeos em que citam suas limitações até a órbita baixa da Terra e da grande periculosidade de se cruzar os tais cinturões de Van Hallen. Liberação do presidente dos EUA eles possuem, agora vamos ver se eles terão coragem de rodar esse filme com mais recursos para examinarmos ou se vão fugir da oportunidade sabendo que existem mais de centenas de terraplanistas com olho atento neles esperando mais mancadas. Eu ainda não dou me parecer sobre quem realmente Donald Trump; mas aparentemente ele realmente até aqui só massacrou essa mídia parasita de merda e suas mentiras.

Ir a Lua já era demais para muitas mentes; agora imagine fazer uma espécie de tabela da Lua para Marte? Se Donald Trump esta do lado certo da verdade ou não saberemos... Como parece haver muito mais escondido do que possamos imaginar; melhor esperar quanto ao veredito acerca dele; mas eu quero ver o que a NASA e sua equipe teatral fará mediante essa chamada de Trump para eles "retornarem" a Lua. Será mesmo que eles ousarão em meio a crescente onda de merdas que estão fazendo e a desconfiança de muitos encenar tudo neste século? Ou vão inventar um pretexto técnico e vão ficar na deles tentando manter o falso legado da antiguidade? Essa eu quero assistir de camarote! Enquanto isso não se desenrola; que tal deixar seu comentário sobre essa matéria? Você acha que o homem foi mesmo na Lua? Poderia retornar em 2018 ou além? Comente, compartilhe com outras pessoas e se inscreva para receber mais novidades sobre as falcatruas da NASA.

Fontes: 
Agência Brasil - Trump pede à Nasa que envie novamente astronautas americanos à Lua
Veja - Trump assina lei que fixa meta para Nasa enviar humanos a Marte