Terra Circular Plana - Andrea Barnes - Desparecida na Antártida

Como já disse em outros artigos por aqui, a Terra Circular Plana não é nenhuma maluquice que chegou para causar certo barulho e depois desaparecer; na verdade ela é a realidade que chegou para tomar seu posto entre nós e desde os primórdios da humanidade os homens já tinham essa noção de que a Terra era plana e estacionária. E ao longo de milênios essa era a crença comum na mente da humanidade. Mesmo depois da moda da bola ainda haviam defensores dessa verdade como os pais da Igreja e mesmo depois nos tempos mais modernos ainda existiam pessoas que questionavam o modelo imposto na sacanagem e no autoritarismo. Mas sempre houveram os odiados questionadores e contraditórios ao longo da história. Embora vistos como perturbadores da ordem e do "conhecimento científico"; na verdade nem todos os que relutaram ao longo da história era apenas rebeldes mas pessoas curiosas demais para simplesmente aceitar o que lhes impusessem.

Foto de Andrea Barnes
Andrea Barnes foi uma pesquisadora convicta e convencida que desapareceu explorando a Antártida. Imagem: YouTube


Uma dessas pessoas era Andrea Barnes; outra personagem que o sistema midiático global tenta acobertar e sua façanha inusitada que a fez perder a vida; mas ela com uma sede inesgotável e muitas perguntas sem respostas satisfatórias decidiu por si mesma ir em busca da verdade e neste artigo eu trago esta intrigante história que muitos até tentaram taxar como fictícia e mentirosa como se os defensores do modelo inventassem para corroborar o tema. Mas ela foi uma personagem real e que realmente fez o que fez e mesmo que a mídia globalista não cobriu o caso e nem cobriria; alguém soube da história e a cobriu nos trazendo estas informações valiosas a respeito dessa pesquisadora.

A Coragem e Feito de Andrea Barnes

Antártida: Frio, desolada, aparentemente infinita. Em 3 de Dezembro de 1961, uma mulher de 63 anos chamada Andrea Barnes foi sozinha para esta barreira de gelo. Em 18 de Dezembro, o clima virou em seu desfavor. Na semana seguinte, no Natal, o contato por rádio foi perdido. Ninguém viu a senhorita Barnes novamente. Esta foi a última etapa de uma jornada que começou para ela, quase séculos antes. Uma viagem que mostra um aparente fracasso. Ela não tinha conseguido provar ao mundo que é Terra Circular é plana! O debate (sobre a forma da Terra) terminou quando a igreja Anglicana foi estabelecida por lei, durante o século 16.

Rejeitou muitas leis estabelecidas pela antiga igreja Católica. E para aparecer progressiva, ela adotou conceitos científicos radicais prevalentes na época, incluindo a teoria da Terra esférica de Copérnico. Por esta aprovação, esta teoria foi introduzida nas escolas, que, em seguida, foram em grande parte controladas pela igreja. É ainda ensinada nos dias de hoje e os alunos aceitam sem questionar a veracidade.  Andrea Barnes não foi um desses estudantes! Nascida em uma família de fazendeiros de Ontário em 1898; Andrea era uma criança brilhante que passou boa parte de seu tempo aprendendo sobre o mundo ao seu redor.

Ela estava curiosa e precoce, e, para desgosto de seus professores, ela acreditava firmemente que o conceito globular da Terra não fazia sentido e era facilmente refutado. Muitos cientistas concordaram com ela e reuniram provas para continuar seu trabalho. Na adolescência, seu irmão Andy já havia decidido dirigir sua carreira no transporte, e muitas de suas amigas haviam se tornado enfermeiras. Mas Andrea dedicou seu tempo para explorar o mundo ao seu redor e fazer perguntas. Ela se opôs veementemente ao uso de globos em escolas, e formou um grupo para protestar e descreveu o globo como "um monte de porcarias do momento".

Eles estavam demonstrando que pensavam de maneira simbólica, mas Andrea rapidamente percebeu que a única maneira de fazer as pessoas ouvirem, era viajar para a borda (do mundo) e trazer de volta as provas. Consequentemente, no dia de seu aniversário de 16 anos, ela embarcou rumo a Antártida. Com um pouco mais de um par de esquis emprestado. No entanto, como Marcella, 300 anos antes (em 1585), que não estava preparada para enfrentar as condições difíceis e logo foi forçada a voltar atrás. Ela tentou levantar fundos para uma grande expedição mas seu caso passou para segundo plano por causa do início da 1ª Guerra Mundial.

E era mais importante se manter viva do que debater sua forma. Em Outubro de 1929, Andrea tentou novamente atrair a atenção do mundo sobre a controvérsia, provando que o conceito de rotação da Terra era absolutamente sem sentido. O argumento era que, se uma aeronave decolou na Inglaterra  e ficasse absolutamente estática, considerando que, segundo a teoria, a Terra deveria girar e Nova York aparecer no horizonte por volta de 4 ou 5 horas mais tarde. Na verdade, a Inglaterra permaneceu visível o tempo todo. A aeronave ficou sem combustível e foi forçada a pousar. Andrea insistiu e conseguiu uma prova!

Mas Nova York não estava prestando atenção naquele dia. A quebra da bolsa havia monopolizado manchetes no momento e nos próximos meses. Andrea havia novamente roubado a cena! Em Novembro de 1938, Andrea estava preparando sua segunda tentativa de alcançar a borda. Um consórcio financeiro colocou à sua disposição uma aeronave e uma tripulação para fazer uma tentativa digna. Um consórcio financeiro colocou à sua disposição uma aeronave e uma tripulação para fazer uma tentativa digna. Assim, mais uma vez, a otimista Andrea se encontrava na Antártida. E mais uma vez o destino estava contra ela.

Colagens da exploração de Byrd na Antártida
O Almirante Richard E. Byrd também esteve na Antártida e não contou tudo que sabia. Imagem: Getty Images


 Uma nevasca inesperada de primavera pegou-a de surpresa. Eles foram incapazes de deixar o acampamento base e muito menos ir para a borda (do mundo).  Toda tripulação estava perto de ser exterminada. Esta foi a última tentativa de Andrea, até que, 23 anos depois, quando foi sozinha, em um trenó, 1961. Até recentemente era o fim da história. No início de 1990, um pesquisador com base na Antártida para estudar o clima, encontrou um trenó sob um monte de neve. Ele estava com pouco combustível e não havia vestígios de Andrea em nenhum lugar. Mas ele achou uma câmera e uma mensagem. A mensagem dizia apenas: "Eu fui lá, o debate está finalmente terminado. Assinado: Andrea B."  O bilhete sobreviveu ao gelo por quase 30 anos.

 Infelizmente, o pesquisador abriu indevidamente a câmera e expôs o filme de dentro. As imagens foram perdidas e a viagem da senhorita Barnes permanece envolta em mistério. Não houve descrição do que tinha visto ou quão longe ela foi. Mas se quisermos acreditar na mensagem, Andrea Barnes foi, provavelmente, a primeira pessoa na história a visitar a borda da Terra!

Conclusão

Não é novidade encontrar globalistas duvidando da história de Andrea Barnes; mas isso é normal e por isso mesmo deixei a disposição de todos os links do documentário sobre ela resumido e legendado em português e outro completo em inglês; bastando ativar as legendas automáticas em inglês no YouTube. Mas isso só causa espanto e admiração em quem ainda desconhece sobre a Terra Circular Plana; pois houveram muitos defensores desta verdade e publicarei todos aqui na medida do possível com o máximo de detalhes. Quanto a descoberta de Andrea Barnes? Impossível de se dizer especificamente o que ela encontrou; mas enquanto escrevia me lembrei da exploração feita pelo almirante Byrd e os mistérios que ele encontrou por lá e saiu as pressas sem revelar especificamente muitos detalhes, senão que viu aviões se desintegrando numa espécie de barreira invisível. Já escrevi sobre isso e recomendo a leitura.

Infelizmente não saberemos nem o que Byrd realmente viu na Antártida e nem o que Andrea Barnes viu; mas pelo bilhete ela parece ter comprovado que a Terra era realmente plana e envolta em um domo conforme as Escrituras. Mas continuemos pesquisando e mais e mais provas aparecerão com certeza. Como sempre ressalto para os globalistas de plantão; atualmente temos dezenas de motivos que nos impediriam de chegar lá e mergulhar nesse mistério. Mesmo as próprias adversidades naturais e cruéis da Antártida. Comente, compartilhe e assine nossas atualizações.

Fontes:
Terra Circular Plana - Andrea Barnes - A Primeira Mulher Terra planista

Comentários

  1. Terrivelmente emocionante saber que existe um criador que formou tudo isso😍

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um prazer maravilhoso poder imaginar que temos um acesso a Ele e poder um dia o encontrar face a face meu querido! Deus te abençoe!

      Excluir
    2. O que vcs não explicam é por que Deus não criaria uma Terra esférica, por que a Terra plana seria melhor, e qual a diferença dos seres humanos viverem em uma Terra esférica ou plana. Sem contar que pra praticamente 99,9% dos cristãos, o modelo de Terra globo se encaixa perfeitamente na criação. E vcs terraplanistas, não entendem nada de bíblia, os grandes teólogos que dão a vida estudando ela, apoiam a Terra globo. Já vcs, resolveram sentar num banco de uma pracinha, pegar a bíblia, dar só uma folheada e já deduziram que Deus criou a Terra plana, jogando todo o esforço de anos e anos dos teólogos no lixo. Vão procurar o que fazer!

      Excluir
    3. Olá FM Martins. A intenção não é apresentar um modelo melhor e disputar sobre isso, mas sim resgatar que o modelo real de mundo NUNCA foi enterrado completamente embora tentam fazer isso até hoje em nossos dias. Desde as mais antigas informações sobre o assunto que estão nas Escrituras Sagradas, não encontramos base teológica alguma para esse cosmos que inventaram de suas mentes no tempo dos filósofos gregos, onde ganhou ainda mais força.

      A diferença esta no fato de sofrermos pressão, cobranças e zombaria por parte de ateus que assistem teólogos tentando encaixar evolução e Big Bang nas Escrituras justificando a pseudociência. Sem contar jovens que nas faculdades têm sua fé bombardeada por esse mesmo ateísmo que não tem espaço para Deus em suas origens sobre o universo e essa bola estranha giratória. Isso é invencionice deles irmão.

      Então preciso que prove onde as Escrituras provam esse modelo de terra com clareza. Lembre-se de usar todas quantas traduções necessárias para não usar versões corrompidas nos termos traduzidos que induzem os leitores a outro sentido.

      Me desculpa, mas eu abomino pessoas que levantam conclusões precipitadas sem saber dos fatos por trás das argumentações. Eu sou teólogo, professor de escola bíblica com mais de 20 anos estudando Bíblia, ensinando e pregando sobre a mesma. E não entendo de Bíblia e Teologia? Leia esse estudo e me diga que a Escritura não revela um mundo diferente do ateísta ou não entendo sobre o que escrevi:

      https://www.verdadeurgente.com.br/2018/01/terra-plana-hermeneutica-biblica.html

      E se não sabe, a crença no globo só se estabeleceu no seio da igreja depois que a igreja romana começou ceder as filosofias de Copérnico e alguns protestantes entraram na onda. Mas mesmo os reformadores alertaram sobre o engano dos filósofos que mudavam o sentido da criação:

      https://www.verdadeurgente.com.br/2017/11/terra-plana-opiniao-dos-reformadores-da.html

      Me resta de recomendar algo melhor que "procurar o que fazer" depois dessa sua conclusão nada sensata, humilde, isenta e sem noção: VAI ESTUDAR O GLOBO ATEÍSTA E SUA HISTÓRIA E DEPOIS O TEMA TERRA PLANA E CONTINUAMOS A CONVERSA.

      Você começou tropeçando com o pé esquerdo, me medindo erroneamente, sem nem saber o que defende e acredita e muito menos ainda a origem dessa vertente da verdade bíblica. Sem noção pra ser direto. Abraço.

      Excluir
  2. Byrd encontrou os Continentes Externos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou ansioso para me debruçar sobre estas informações meu caro! Forte abraço!

      Excluir
    2. Sério Isso?
      Kkkkkkkk

      Excluir

Postar um comentário

Sinta-se a vontade em comentar complementando o artigo; deixando suas perguntas ou mesmo apresentando seu ponto de vista para possíveis discussões amigáveis de ideias sem ofensas, fanatismos ou estupidez. Além desses limites assuma a responsabilidade de colher o que plantar...

Os comentários serão avaliados e sendo aprovados; publicados imediatamente.

Postagens mais visitadas deste blog

Claudio Ptolomeu - Geocentrismo Astrológico

Hicetas - Rotação ou Translação da Terra?

Ecfanto "Inexistus" - Movimento Leste a Oeste da Terra