Terra Plana - Gênesis 1.2 - Big Bang ou o Criador?

A pseudo-ciência nos diz que tudo quanto existe, se originou de um evento incrivelmente maravilhoso e inexplicável há 13 bilhões e 700 milhões de anos atrás (wow!). "Segundo a Teoria do Big Bang, o universo teria surgido de uma grande explosão cósmica, que criou o espaço e o tempo. A busca pela compreensão sobre como foi desencadeado o processo que originou o universo atual, proporcionou – e ainda proporciona – vários debates, pesquisas e teorias que possam explicar tal fenômeno." Brasil Escola. E ainda sobre a Terra especificamente, temos as seguintes teorias, a partir do Big Bang: "A teoria mais aceita hoje em dia sobre a origem da Terra descreve seu surgimento como uma bola incandescente que, com o tempo, foi resfriando-se lentamente. À medida que resfriava, alguns gases eram liberados de seu interior como amônia, hidrogênio, metano e, junto com eles, vapor d’água. Esses gases se acumularam ao redor da terra formando grandes nuvens escuras. Esta foi, possivelmente, a origem da atmosfera primitiva." MMA

E mesmo com todas as teorias mais absurdas edificadas sobre esta; todos ainda coçam a cabeça se perguntando como isso aconteceu e há até mesmo quem ouse afirmar com muita veemência que do nada aconteceu tudo isso que hoje é tudo que conhecemos. Para qualquer ser humano comum dotado de um raciocínio um pouco aprimorado e uma percepção treinada; já dá pra entender que isso chega as margens da loucura. Como assim do nada surgiu tudo? E para piorar a coisa foi tomando uma proporção fantástica onde surgiram os supostos planetas, estrelas, buracos negros, constelações, galáxias e enfim a Terra globo e nós, evoluindo em milhões de anos até chegarmos a forma que temos hoje... Caraca...  Quase me tirou o folego escrever essas linhas e meu imaginário viajou inevitavelmente!

Ilustração da origem do universo e seu fim
Confesso que desconhecia essa teoria complementar (BigRip) que mostra até o fim do processo do Big Bang. Uau!
Imagem: Copyright: Jeremy Teaford e Luiza Guerim

Mas será mesmo que tudo aconteceu dessa forma? O que eles tem pra te provar? Teorias? Cálculos? Acelerador de partículas? O universo se expandindo? Seja lá o que for; na prática não podem te provar isso... É uma bagagem pesada demais para qualquer ser humano carregar! E como vamos falar de Criacionismo Bíblico e sei que muitos vão torcer o nariz; considere antes que tudo quanto você tem da pseudo-ciência se encontra nos campos da fé e mesmo do desvario. Me resta mediante a explanação de Gn . 1.2, te convidar a ler, raciocinar e tirar suas conclusões a respeito da nossa criação; ou seria produto do Big Bang! Vamos lá!

O Relato Bíblico da Criação

Antes de começar essa análise é bom ressaltar que o autor desse blog não crê na teoria da lacuna entre os versículos 1 e 2 de uma criação anterior como até alguns teólogos tentam defender usando-se de heresias para defender até mesmo os bilhões de anos da pseudo-ciência. Essa interpretação é chamada de Criacionismo Científico. E não somos desse tipo de interpretação a base de moletas... Fatos são fatos; espirituais ou científicos e teoria é teoria com seus delírios exagerados as vezes.
E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas. Gênesis 1:2
Imagem meramente ilustrativa do Espírito Santo
Como não usamos e nem nos apoiamos em imagens para crer nos relatos da criação; esta imagem é apenas uma ilustração.
Imagem:  Creations Wap

Vamos analisar cada trecho desse texto tão rico em detalhes que nos foi contado nas Escrituras por homens que receberam de Deus essa revelação. O trecho a ser estudado narra especificamente o nosso princípio e não da criação espiritual que ocorreu anteriormente (anjos, arcanjos, serafins e querubins).

1. "A terra era sem forma e vazia" - Essa era as condições da criação, quando Deus trabalhava eu seu maravilhoso projeto para nosso lar terrestre. Embora alguns teólogos intentem usar outra variante do termo hebraico הָיָה (hayah) para traduzir como "estava sem forma e vazia" e sustentar o ensino de que a queda de Lúcifer tenha causado uma destruição numa primeira Terra antes dessa; mas eu prefiro não crer nisso por falta de provas bíblicas que apoiem isso. Mas focando no objetivo; nossa Terra começou a ser criada por Deus e sobrenaturalmente e não de uma explosão inexplicável. 

2. "Havia trevas sobre a face do abismo" - Havia apenas escuridão, que atualmente a ciência tem nomeado de "matéria escura". "Nesse contexto, a matéria escura compõe cerca de 26,8% da densidade de energia do universo. O restante seria constituído de energia escura, 68,3% e a matéria bariônica, 4,9%. Deste modo, a matéria escura é estimada constituir 84,5% da matéria total do universo, enquanto a energia escura mais a matéria escura constituem 95,1% do conteúdo total de massa-energia do universo." Wikipedia. Prefiro chamar basicamente de "escuridão" (חֹשֶׁךְ - choshech) por enquanto... Até porque muitas dessas informações são baseadas em suposições e achismos...

Quanto ao abismo, temos no hebraico o termo תְּהוֹם, (tehom) que significa "oceano, abismo, precipício; águas subterrâneas". Dando a entender que não são as águas superficiais dos mares, rios, lagos ou lagoas. Segundo a visão hebraica da criação, nosso mundo possui realmente muita água abaixo de nós em abundância. "Normalmente, o lençol freático vai penetrando no solo até se deparar com um maciço rochoso ou com um solo quase impermeável, como um solo argiloso, onde pode se depositar ou servir de leito para a assim chamada água subterrânea, que é um fluxo de água sob o solo, que ocupa todos os seus espaços vazios. Dependendo da morfologia do solo, o lençol freático ou a água subterrânea pode aflorar e chegar a constituir-se em nascente de um rio ou lagoa." Wikipedia. Embora em algumas informações os cientistas concordam com os hebreus; em outras eles viajam sobre o abismo. Como imaginar que é tão limitado que pode ser contaminado pelo ser humano e se tornar inútil; pois para eles o lençol freático é em sua maior parte composto de águas acumuladas da chuva. 

Resumo da origem da Terra e do universo
Aqui estão as ilustrações mostrando como tudo surgiu e acredite; só a última é uma fotografia real...
Imagem: Slide Player

3. "E o Espírito de Deus se movia sobre a face as águas". Além da revelação do Espírito Santo ativo no processo da criação; ainda temos neste texto com base em outros que realmente a nossa Terra foi criada envolta em águas. E até nisso a Terra Plana se encaixa melhor do que a Terra globo que alega que toda nossa água partiu da própria bola incandescente que foi se esfriando... Meu Deus...  Se você já esta impressionado com o Big-Bang e com a gigante bola de fogo incandescente que sozinha viajou da explosão, parou onde estava (ou não, porque descobriram que ela nunca para ultimamente!), se prepare para conhecer como surgiu a água na Terra esférica...

"A temperatura da superfície da Terra era tão alta que uma gota d’água que caísse da atmosfera sobre ela evaporava imediatamente. A água evaporada, quando encontrava as camadas mais frias da atmosfera, transformava-se em chuvas torrenciais. Foi essa chuva que ajudou a diminuir a temperatura da superfície do planeta. Num dado momento, a água das chuvas não retornava mais à atmosfera em forma de vapor: em estado líquido, parte escorria pelas elevações formando os rios, e parte acumulava-se nas depressões da crosta terrestre. Foi essa água que formou os lagos, os mares e oceanos... e assim possivelmente formou-se a hidrosfera primitiva, de constituição diferente da atual." MMA.

Eu, sinceramente não tenho fé para acreditar na pseudo-ciência em suas explicações de onde surgiu a Terra esférica. Eu sempre digo aos cristãos que mesmo que tentem acolher o globo, alegando que Deus o criou, isso é incompatível científica e teologicamente! Você teria que acreditar em fábulas para crer numa história tão fantasiosa como esta! Com certeza os críticos podem dizer o mesmo das Escrituras; mas a Terra Plana vem aí trazendo toda prova aos relatos bíblicos e muitos serão pegos em suas mentiras e envergonhas. É uma pena saber que há cristãos defendendo uma teoria confusa e mentirosa e tentando justificar as Escrituras Santas por meio delas... A realidade das Escrituras são corroboradas pela Terra real. Mas você esta confuso e prefere dizer que a Bíblia contém erros e os homens inspirados por Deus erraram; é melhor você se cuidar para não ser sugado pelo ateísmo.
Eles voluntariamente ignoram isto, que pela palavra de Deus já desde a antiguidade existiram os céus, e a terra, que foi tirada da água e no meio da água subsiste. 2 Pedro 3:5 
Temos um registro histórico inspirado por Deus que Moisés, um homem santo, escreveu; quanto à criação da nossa Terra e do outro lá, um vasto pacote de teorias com desenhos artísticos sem fundamento histórico ou factual. Na Terra Plana, temos os continentes sobre a "grande bacia" de água cercada por enormes muralhas de gelo que mais se aproxima da narrativa de Pedro. Pelo contrário, alguém me aponte onde fica o meio da água no globo... Não, a Bíblia não descreve uma grande explosão e nem um bola incandescente que no fim vira a Terra globo...Cai fora dessa Terra bola cristão! Seja crente na Palavra e no que esta diante da tua visão na criação! Comente mais este artigo; compartilhe nas redes sociais e nos ajude a despertar as pessoas do grande engano que tem aprisionado a humanidade e as privado da fé em Deus. 






Comentários