Política - Donal Trump Ora e Estuda a Bíblia

Donald Trump é realmente aliado de Deus e seu povo ou contra? Qual sua atitude concernente a Palavra de Deus e aos cristãos? O presidente dos EUA tem se mostrado amigo de Israel e mesmo sob tanta polêmica e ofensas da mídia global; tem se portado de um modo justo e contrariado muitas pessoas da oposição com suas ideologias contrárias as Escrituras e a boa conduta moral. Óbvio que ele, ainda que fosse um cristão na presidência dos EUA, não poderia manipular as leis em favor dos cristãos ou ir completamente contra os demais movimentos; mas até aqui tem acontecido coisas interessantes envolvendo Donald Trump que trazem bons ares para a nação americana que preza pela moral e bons princípios. Eu confesso que fico feliz por isso; mas no meu íntimo eu penso se ele não possa ser um princípio do reinado do anticristo; já que esse rei será favorável e até ajudará a Israel até se revelar o anticristo. Não estou prevendo, adivinhando e nem profetizando nada certo? Que fique bem claro. Mas por agora estarei de olho o quanto possa nele e notícias dessa natureza. Se quiser ler mais sobre Trump, tem alguns artigos por aqui.

Ralph Drollinger ora com sua esposa, Donald Trump e o gabinete presidencial
Donald Trump se tem mostrado amigável quanto a Deus, Sua Palavra e os cristãos. Imagem: Newsweek



Trump recebe pastores e estuda a Bíblia na Casa Branca

A proximidade de Donald Trump com líderes evangélicos é um fato conhecido e divulgado desde sua campanha presidencial. Ao contrário de muitos políticos que busca esse tipo de relação apenas em período eleitoral, o presidente dos Estados Unidos e vários membros do seu gabinete se reúnem todas as quartas para fazer estudos bíblicos e orar. É a primeira vez em pelo menos cem anos, que integrantes do gabinete presidencial dos Estados Unidos participam desse tipo de atividade religiosa. Quando estão em Washington, participam o vice-presidente, Mike Pence, o secretário de Estado, Mike Pompeo, a secretária de Educação, Betsy DeVos; o secretário de Energia, Rick Perry, o da Justiça, Jeff Sessions, o de energia, Rick Perry, e o de Agricultura, Sonny Perdue. Em média são dez membros do gabinete presidencial. Essas reuniões duram entre 60 e 90 minutos e geralmente são lideradas pelo pastor Ralph Drollinger, um ex-jogador de basquete profissional, hoje com 63 anos.

Ele e sua esposa Danielle fundaram a Capitol Ministries, dedicando-se a levar a palavra de Deus a políticos e funcionários públicos. Durante a universidade, Drollinger se converteu e começou a estudar a Bíblia. Mesmo com a oportunidade de jogar em grandes times da NBA ele optou em jogar pela equipe do ministério Atletas em Ação, similar aos Atletas de Cristo, no Brasil. Ele jogou basquete em 35 países, sempre pregando o evangelho e dando seu testemunho no intervalo. Iniciado na Califórnia, a Capitol Ministries está desde 2010 em Washington, onde mantém um grupo de estudos bíblicos para membros do Legislativo, que atualmente reúne cerca de 50 integrantes. Em março de 2017, pouco tempo depois de Trump assumir a presidência, eles começaram as reuniões na Casa Branca. Segundo revela o pastor de alguns dos homens mais influentes do mundo, por iniciativa de Mike Pence, hoje muitas das pessoas do primeiro escalão “são fortes em Cristo”. Trump não consegue participar regularmente, mas recebe as oito páginas que Drollinger prepara para o estudo semanal.




“Ele me responde de volta, com anotações”, garante o pastor. Na verdade, esses estudos bíblicos não são privados ou secretos. Qualquer um pode lê-los online no site do ministério. É possível ver que eles defendem os fundamentos do casamento tradicional, consideram as relações de pessoas do mesmo sexo “ilegítimas sob os olhos de Deus” e faz questão de deixar claro que  “as escrituras não apoiam o comunismo”. Como é um dos temas que mais incomodam os críticos do seu trabalho, o pastor afirma que a Bíblia claramente ensina a separação entre Igreja e Estado. Nesta quarta-feira (11.04.18), a rotina dos estudos foi interrompida pela visita de 68 pastores da Convenção Batista do Sul, a maior dos EUA. Os líderes evangélicos, acompanhados de suas esposas visitaram o Gabinete Executivo, localizado ao lado da Casa Branca, para participar de uma reunião de 90 minutos com toda a equipe da Casa Branca. Mike Pence foi recebê-los pessoalmente.

Segundo o pastor Jack Graham, de uma grande igreja do Texas: “É muito bom saber que o presidente, o vice-presidente e toda essa administração estão totalmente comprometidos com os temas bíblicos que nos preocupam profundamente – a santidade da vida, da família, o apoio a Israel, a liberdade religiosa e a garantia de uma nação forte, sob o comando de Deus”. Também fazia parte do grupo o pastor Robert Jeffress, que muitas vezes já foi para a televisão defender o presidente Trump. Ele disse que é sempre bom ouvir os líderes do país pedindo que a Igreja ore por eles, algo que esta semana puderam fazer pessoalmente. 

Considerações e Conclusão

Impressionado? Eu diria, maravilhado! É prazeroso saber de boas novas como esta! Quem realmente vive o evangelho e esta a frente das lides missionárias e trabalhos assim, sabe o quão difícil é para pessoas poderosas e ricas crerem no Evangelho de Jesus e receber suas palavras; quanto mais seguirem! Mas não estou afirmando que Donald Trump seja cristão mas até agora suas palavras, gestos e atitudes tem surpreendido quem ama a verdade e pratica a justiça. E o fato dele receber estes pastores, orar com eles e fazer estudos bíblicos com seriedade realmente me impressiona! Uma nação onde Deus é priorizado; sua Palavra observada e Israel tido com povo de Deus é outro nível na Terra! Aliás, para quem não sabe, os EUA foram praticamente fundados sobre bases cristãs! De lá procederam muitos ministérios como igrejas que existem hoje no Brasil. O testemunho desse pastor também me trouxa respostas para perguntas de cristãos mais conservadores sobre se o cristão pode ser um atleta ou não; e vemos em seu testemunho que ele não só era com também fazia seu serviço para Deus. O mundo precisa de mais pessoas preparadas e determinadas assim para evangelizar principalmente os políticos no Brasil que estão de mal a pior...




Sempre haverá realmente os filhos das trevas que suas mentes depravadas, comunistas e liberais que tentarão infamar Deus, Sua Palavra e Seu povo; mas coitado de quem acha que pode impedir o agir de Deus! Mesmo por aqui no Brasil eu tenho visto a poderosa mão de Deus operando na vida de pessoas que tanto são cristãos como favoráveis as suas verdades morais e não só clamam por justiça como agem baseados nela e isso me dá esperança; pois se nosso país e o mundo fossem completamente entregues a pessoas que querem liberar e impor o aborto, domínio impróprio de terras, homossexualismo, consumo e venda de drogas e outras coisas prejudiciais; esse mundo se tornaria um caos! Continuemos orando pelos que estão no poder e pelos que como o pastor Ralph Drollinger tem um chamado e coragem para realizar este tido de evangelização deles. Deus abençoe Israel, a America, o Brasil e todos que creem nele e em Seu Filho Jesus Cristo! O que achou dessas boas novas? Seria o Trump realmente um aliado ou um pre candidato ao governo do anticristo? Comente, compartilhe e assine as atualizações. 

"Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens; pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade; porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade." 1 Timóteo 2:1-4

Fontes: 
Christian Today - US vice-president Mike Pence meets Southern Baptist megachurch pastors
BBC News - Inside the White House Bible Study group

Comentários