Terra Plana - Revista Galileu e seus 7 Argumentos Refutados

E aqui vamos nós mais uma vez mostrar que as refutações dos globalistas são infundadas e sem aprovação científica prática. Dessa vez a Galileu (da Globo) se doeu e resolveu escrever contra a Terra Plana em defesa da pseudo ciência com argumentos repetitivos já destruídos pela verdade. Como repetir nunca é demais e vale como técnica de ensino; refutaremos mais essas "refutações" prol heliocentrismo que para os mais leigos e apaixonados pela bola possam ter como fatos irrefutáveis e verdadeiros; mas não são na verdade e provaremos isso. Faço questão de responder a qualquer matéria como essa para não dar vazão a mentira e embora sejam muitos e meu blog nem se compare em acessos a Galileu; continuarei feito formiga e marimbondo incomodando! Então, compartilho com vocês mais estes argumentos cansativos e chatos de outra fonte. Na medida que forem citados os argumentos, inserirei os comentários e adendos necessários para refutar os mesmos.

Revista Galileu
A Revista Galileu usando de refutações falidas tenta defender o heliocentrismo em vão. Imagem: Bruno Miranda


7 fatos científicos que provam que a Terra NÃO é plana

Centenas de anos a.C. o formato do nosso planeta já foi provado, mas tem gente que insiste em acreditar no contrário. Por mais que o ser humano já saiba que a Terra é redonda há centenas de anos, algumas pessoas ainda aparentam mostrar dúvidas sobre a questão. Por isso separamos sete fatos científicos que vão te ajudar a convencer aquele colega que não tem tanta certeza sobre o formato do nosso planeta, de que ele não é — e não pode ser — plano.

R: É incrível como ele inicia seu artigo (que na verdade já vem de outra fonte) com tantas afirmações certas fundadas em incertezas! Eles falam dos poucos centenários do heliocentrismo sem falar dos milênios de geocentrismo?! E os sempre questionadores ao longo desses centenários? Não contam? Na verdade fomos doutrinados a acreditar que a Terra é uma bola; logo, cremos nisso e não "sabemos" de verdade! Ele segue com sua certeza frágil em sete "fatos científicos" que vão provar que a Terra é uma bola e não plana. Uau! Será mesmo? Vamos conferir agora! Ansioso!

Observe um barco

Quando um barco desaparece no horizonte ele não vai ficando menor e menor até não conseguimos vê-lo. Na realidade, o que ocorre é que partes da estrutura vão sumindo antes das outras: primeiro o casco da embarcação e só no fim a ponta da vela. Isso ocorre justamente porque a Terra é redonda. Para compreender melhor, basta utilizar um binóculo ou telescópio para observar o horizonte na sua próxima ida à praia.

R.: Vocês são burros ou se fingem?! Meu Deus... Os barcos não diminuem de tamanho ao se distanciar foi de cara a pior nesse "fato científico"! Qualquer um pode ver isso a olho nu! Tudo que se distancia, diminui ao nossos olhos! Barcos, carros, aviões, pessoas, TUDO! Esse argumento já foi destruído a muito tempo pelas próprias ferramentas que eles indicam neste argumento! É mais um tiro no pé! E o que sobra é somente a limitação visual mesmo com estes equipamentos! O que a essa distância já prova o fracasso dos cálculos da curvatura que não batem com a prática! E o que dizer dos fenômenos atmosféricos que causam a ilusão da curvatura? Vocês tem problemas ou são realmente desonestos demais! Água não faz curva, mas mantém sempre seu nível camarada!



Olhe para as estrelas

Aristóteles descobriu esse fato cerca de 350 anos antes de Cristo e nada mudou desde então. Diferentes constelações são visíveis de diferentes latitudes. Provavelmente, os dois exemplos mais marcantes são o Big Dipper e a Southern Cross. O Big Dipper, um conjunto de sete estrelas que se parece com uma concha, é sempre visível em latitudes de 41 graus Norte ou superior, mas não abaixo de 25 graus sul. Essas diferentes visões só fazem sentido se você imaginar a Terra como um globo, de modo que olhar "para cima" realmente significa olhar para uma faixa de espaço diferente do hemisfério sul ou norte.

R: Só pode não ter estudado afinco sobre o modelo da Terra Plana para dizer essas asneiras repetitivas... Resumidamente Aristóteles foi mais um instrumento do engano e para quem sabe da tamanha dimensão do círculo da Terra e nosso tamanho; e que o universo gira por sobre nossas cabeças; entenderá que quem está no Brasil não poderá ver constelações que estão nos EUA! Simplesmente pela posição em que estão nas latitudes mesmo, mas no plano! "Olhar para cima" foi realmente cômico; já que não tem como fazer isso num globo certo? Na Terra Plana até isso é descomplicado! Mas enfim, preciso falar das estrelas que nunca mudam? Ou da Polaris sempre ao centro da Terra e as demais girando? Não olhem para as estrelas porque verão sempre as mesmas! Coisa que não tem sentido numa bola viajando louca por um espaço infinito!

Assista um eclipse

Aristóteles também provou sua teoria com a observação de que, durante os eclipses lunares, a sombra da Terra na face do Sol é curvada. Uma vez que esta forma curva existe durante todos esses fenômenos, apesar do fato de que o planeta está girando, o filósofo intuiu corretamente a partir da penumbra que a Terra é curvilínea por toda parte — em outras palavras, uma esfera.

R: Espera! "Intuiu" vem de intuição é isso? O camarada foi lá, olhou e olhou e deduziu de sua cabeça que era da Terra aquela sombra e beleza? A Terra é um globo? "Sombra da Terra na face do sol"? Ficou meio contraditório como sempre esse trecho mas interpretarei como sendo na "face da Lua" para ajudar vocês certo? Infelizmente já existem vídeos mostrando a Lua completamente eclipsada no céu e com o Sol no outro extremo da Terra sem problemas. Sem contar que a maior desgraça para o heliocentrismo foi o último eclipse que eles tiveram que suar para poder explicar como ocorreu e deixaram muitas lacunas nas explicações conflitantes! Eclipses tem mais sentido na Terra Plana! E por favor, pesquisem sobre ORBES também amigos...





Escale uma árvore

Se a Terra fosse plana, seria possível enxergar tudo independente de onde você está, mas, ao contrário disso, quanto mais altos estamos mais podemos visualizar. Um bom exemplo são as estrelas: podemos vê-las, mesmo elas estando milhares de quilômetros distantes. Ao olhar para os lados de Salvador, por exemplo, não é possível ver as luzes de Belo Horizonte, que está a uma distância bem menor do que estamos dos astros. A explicação? A Terra é esférica.

R: "Cuidado Chaves! Seu cérebro vai acabar saindo pelo nariz!" Mais uma demonstração de pura ignorância do modelo Terra Plana e acerca de perspectiva e dimensão. A Terra não é uma chapa de aço! A noção de um plano é geral, mantendo níveis e desníveis como o Mar Morto e o Everest! E sobre não ver luzes de cidades vizinhas e ver as estrelas é o mesmo esquema ignorante! E para quebrar seu argumento eu vejo luzes de quase três cidades do ponto mais alto onde moro! Isso acontece conforme sua localização e não porque a Terra é esférica! Suba num avião e verá milhares de luzes! A distâncias que destroem os cálculos da curvatura! Obviamente que vemos as estrelas por estarem perto e não a bilhões de quilômetros de nós! "Escale uma arvore" foi tão infeliz... Quanto mais alto; menos expectativa de curvatura você terá!
Faça uma viagem ao redor do mundo

Se você tiver a sorte de ter uma visão desobstruída do horizonte e um voo comercial suficientemente alto, você pode até mesmo descobrir a curvatura da Terra a olho nu. De acordo com um artigo de 2008 na revista Applied Optics, a curva da Terra torna-se sutilmente visível a uma altitude de cerca de 35,000 pés, desde que o observador tenha pelo menos um campo de visão de 60 graus (o que pode ser difícil a partir de uma janela do avião do passageiro). A curvatura torna-se mais visível acima de 50.000 pés. Os passageiros de um jato supersônico, por exemplo, tem uma visão do horizonte curvo enquanto voam a 60 mil pés.

R: Essa não... De novo não! Lá vem vocês com esses chutes além dos cálculos falidos para se encontrar a curvatura! A verdade é que vocês se embanam e muito com esses padrões dos mais variados! E apesar de nem todos terem grana para subir tão alto; existe videos e mais vídeos não só de passageiros mas de pilotos de dentro do cockpit e cabine dos aviões mostrando que não existe curvatura alguma! Não apelem para o efeito dos vidros gente... Já sei; vão dizer que na verdade vocês erraram e é só da ISS que dá certo? Ah danadinhos globalistas! Recomendo que assistam um vídeo destruidor logo após lerem o artigo. Pelo contrário; quanto mais alto; mais plano! Já postei mas vamos repetir para vocês decorarem:


  • Terra Plana - A que altitude podemos ver a curvatura da Terra?





  • Compre um balão meteorológico

    Em janeiro de 2017, estudantes da Universidade de Leicester, no Reino Unido, amarraram algumas câmeras em um balão meteorológico e enviaram-no para o céu. O balão subiu 77,429 pés (23,6 quilômetros) acima da superfície, bem mais que o nível necessário para ver as curvas do planeta. O instrumento a bordo do balão enviou imagens deslumbrantes que mostram a curva do horizonte.

    R: Não, essa notícia fajuta de novo não... Que chato responder essas mentiras cara! "Bem mais que o nível para ver as curvas acima da superfície". Encontraram o ponto ideal para vermos a curvatura?! Já podemos realmente subir até lá de alguma forma e ver essa fictícia curvatura? Só que não! Eles nunca entram em consenso; desde os mais ignorantes aos mais "Inteligentes" como a NASA e comparsas vivem se contradizendo! Tudo que possuem da tal curvatura são vídeos falsos feitos pelas agências espaciais ou filmagens com lentes de curvam tudo desde o solo! Cambada de sacanas! Não somos todos idiotas! Filme sem lentes, queremos ver!


    Compara sombras

    A primeira pessoa a estimar a circunferência da Terra foi um matemático grego chamado Eratóstenes, que nasceu em 276 a. C. Ele fez isso comparando os tamanhos de sombras no dia do solstício de verão onde hoje fica Assuã, no Egito, com uma cidade mais a leste de Alexandria. Ao meio dia, quando o sol estava diretamente sobre a cabeça em Assuã, não havia penumbra, entretanto, uma vara colocada no chão da outra cidade lançou uma sombra. Em uma Terra plana, não haveria nenhuma diferença entre o comprimento das sombras. A posição do sol seria a mesma, em relação ao solo. Apenas um planeta em forma de globo explica por que a posição do sol deve ser diferente em duas cidades a poucas milhas de distância.

    R: Mais um contraditório argumento usado desde os gregos que na verdade foi plagiado de Anaxágoras que usando o mesmo princípio pode sim prever uma Terra Plana e estacionária com o sol menor e mais próximo de nós. E pelo contrário; as sombras são projetas o tempo todo de formas diferentes e em todas as direções justamente porque o sol esta mais perto! Existem inúmeras evidência pró Terra Plana neste sentido e contra o globo! Raios solares locais; sol entre as nuvens; sol se distanciando e não sumindo na curvatura, enfim; os cálculos e achismos de Eratóstenes são menos possíveis ainda na era tecnológica que podemos subir além e não ver curvatura. E para selar dentro do argumento; pesquise então se a sombra do Everest faz curva quando projetada sobre a terra beleza?

    Considerações e Conclusão

    Realmente não foi dessa vez galera... É incrível como diante da onde tão crescente de pessoas questionando sobre o formato do mundo e toda "ciência" ensinada por eles até aqui e a multidão de terraplanistas que vem crescendo cada vez mais e eles ainda agarrando-se a esses argumentos já refutados? Até porque numa escala de desespero tem argumentos mais consideráveis para se usar (embora todos estão sendo resolvidos). De uma coisa eu sei; a mobilização e o desespero globalista já se faz evidente para tentar manter o engodo vigente! Tanto ignorantes inocentes quanto escravos comprados do sistema tentam de todas as formas ainda enganar as pessoas com seus argumentos fúteis e reprovados pela experiência básica do empirismo científico. Mas eles continuam tentando... E mais e mais pessoas abrindo os olhos mediante a verdade? Responda nos comentários; estes sete argumentos brilhantes te convenceram realmente que você mora em uma bola girando maluca num espaço infinito? Deixe sua opinião, tente refutar os refutamentos; compartilhe com outras pessoas e se inscreva para receber mais artigos!

    Fontes:
    Galileu - 7 fatos científicos que provam que a Terra NÃO é plana
    Live Science - 7 Ways to Prove the Earth Is Round (Without Launching a Satellite)

    Comentários